Sign in / Join

509-E SE REÚNE PARA TURNÊ COMEMORATIVA DE 20 ANOS – “VIVOS”

Dexter e Afro-X retornam juntos aos palcos revivendo a história de um dos grupos mais importantes do RAP nacional 

O grupo 509-E foi batizado com os números e letra que identificavam a cela onde viveram por alguns anos Marcos Fernandes de Omena (Dexter) e Cristian de Souza Augusto (Afro-X) no pavilhão sete da Casa de Detenção, o extinto Carandiru. 

A história improvável da dupla conta com dois álbuns. Ao lado de Mano Brown, Edi Rock, DJ Hum, MV Bill, DJ Luciano e DJ Zé Gonzáles, entre outros, o primeiro CD do 509-E, Provérbios 13, foi lançado em 2000. 

Dois anos após esse primeiro trabalho, em 2002, o 509-E lança seu segundo álbum, intitulado MMII DC (2002 Depois de Cristo), um trabalho emblemático que consolida o grupo como um dos mais importantes da história do RAP nacional. 

O grupo conseguiu realizar 157 saídas do Carandiru, com autorização judicial e forte escolta policial, para realizar shows. Em uma delas, no festival Millenium RAP, o, até então, maior festival de RAP do Brasil, reuniu mais de 50 mil pessoas no Anhembi. Nessa ocasião, dividiram o palco com o Racionais MC`s. 

Em 2004, por senso comum dos dois integrantes, resolvem encerrar as atividades do 509-E, e ambos seguiram suas carreiras solo. 

Nesse segundo semestre de 2019, o grupo sobe aos palcos das cidades de São Paulo (Audio, serviço abaixo), Belo Horizonte, Porto Alegre e Salvador. Em breve, mais informações sobre datas e serviços, além de outras cidades que serão acrescentadas ao calendário. 

VIDEOCLIPES 509-E 

• “TRIAGEM”; 

• “SÓ OS FORTES SOBREVIVEM”; 

• “OITAVO ANJO”. 

PREMIAÇÕES 509-E 

• Prêmio HUTUZ de Grupo Revelação do Ano (2000 – Rio de Janeiro); 

• Prêmio da TV Gazeta de melhor Vídeo Clipe com a música “Só os Fortes” (2000 – Rio de Janeiro); 

• Indicação ao VMB – MTV Brasil (2000 – São Paulo); 

• Música mais tocada do ano 2000: “Saudades Mil”, na rádio 105 FM; 

• Prêmio HUTUZ de melhor álbum da década com o grupo 509- E (2009 – Rio de Janeiro); 

• Prêmio do Público – Melhor Documentário e Menção Especial do Júri – “Entre a Luz e a Sombra” – Festival de Cinemas e Culturas da América Latina de Biarritz (2009 – França) 

DISCOGRAFIA 509-E 

Provérbios 13 – 2000 – Atração Fonográfica (vendeu 90.000 cópias); 

MMII-DC – 2002 – Atração Fonográfica (vendeu 70.000 cópias). 

SOBRE A TURNÊ “VIVOS” 

A reunião acontece 16 anos depois do último show oficial de Dexter e Afro-X juntos e celebra os 20 anos do inÍcio do grupo. 

O show é costurado pelas lembranças dos rappers e a proposta é de criar uma atmosfera cênica fazendo alusão ao período em que estiveram privados de sua liberdade. Além das músicas serem ouvidas, também poderão ser vistas. 

“Nos reunirmos hoje para a realização dessa comemoração significa que a essência do HIP HOP de fato tem um grande poder. Como disse Gilberto Gil: O tempo é rei! As arestas foram aparadas e a ideia é que essa união mostre para as pessoas que a amizade, o carinho, o amor, o respeito e o perdão devem estar sempre acima de tudo. É isso que o HIP HOP nos ensina”, diz Dexter. 

O setlist será composto por todos os sucessos do grupo que 

atravessou gerações. O saudosismo dos fãs que acompanharam o grupo na época poderá ser revivido e dessa vez juntamente com os mais jovens, que se tornaram fãs por meio das músicas e por influência dos mais velhos, mas que nunca tiveram a oportunidade de assistir a um show da dupla. 

O objetivo da turnê além de ser um presente para os fãs, é também resgatar nas pessoas sentimentos positivos. Nada como a própria realidade de superação vivida pelos rappers, para levar esse mar de esperança e encorajamento dos quais tanto todos nós precisamos. “Esse novo ciclo significa a renovação, o amadurecimento, a gratidão à nossa história, pois vencemos o improvável. Todos os sentimentos negativos foram superados através do amor, amizade, respeito, prática e essência da cultura HIP HOP. Além disso, estamos contemplando em vida que tudo valeu a pena, desde a regeneração ao legado. Todos são bem-vindos para grande celebração de 20 anos com a família 509-E, mais vivos do que nunca”, diz Afro-X.

Comments are closed.