Twitter Facebook Youtube
Home » Noticias » Artistas substituem pichações por grafite em muros de Varginha, MG

Artistas substituem pichações por grafite em muros de Varginha, MG

Trio de amigos se uniu para levar arte às paredes e muros da cidade.
Projeto batizado como Vira-Lata foi aprovado pelos moradores.

Cansados de ver os muros das casas sujos pelas pichações, três amigos usaram a criatividade e diferentes cores em sprays para grafitar a Estação Ferroviária deVarginha (MG). Daí surgiu o projeto Vira-Lata, que conquistou os moradores do bairro.

Eles acabaram com as pichações nos muros das casas próximas à estação e no lugar da sujeira entrou a arte. “Essa região é onde a juventude mais frequenta, mas o local estava degradado, especialmente pelas pichações, então entramos com o grafite para reverter isso”, comentou um dos idealizadores do projeto,Lucas Ribeiro.

A ação foi batizada como Vira-Lata e não é difícil entender o motivo. Basta ficar alguns minutos no local e logo um cachorro aparece.  “Basta nos reunirmos aqui que em pouco tempo vem um vira-lata, daí resolvemos dar este nome ao projeto”, exemplificou Rafael Sá Bertolacini.

As ideias para grafitar os muros surgem espontaneamente. “Não pensamos nada com antecedência. Vamos fazendo conforme vem a inspiração”, frisou Matheus Fernandes.

pintura_interna

Quem vive nos arredores aprova a iniciativa. O auxiliar de escritório Deon Pereira foi o primeiro morador da região que aceitou participar da ação. “Eu não aguentava mais a pichação e sempre pintava o muro de casa, mas no outro dia ele já amanhecia pichado, agora, com o grafite eu pensei em não pintar mais”, lembrou.

Ainda de acordo com ele, quando os artistas do projeto o procuraram, ele autorizou a pintura dos muros. “O local já é quase um ponto turístico em Varginha. Muita gente quer ver, fotografar e filmar”, acrescentou.

Quem também gostou da ideia foi a massoterapeuta Dinalva Guimarães. “Era tudo pichado, vandalizado e agora está bem bonito, né? Tomara que a ideia se espalhe”, disse.

Por enquanto, os três amigos dividem os custos do material para fazer as pinturas, mas esperam conseguir algum tipo de apoio posteriormente e se depender da torcida dos moradores, isso deve acontecer rapidamente. “A ação está aprovada, eu gostei muito e por mim continuaria”, enalteceu o aposentado Fernando Crisóstono da Silva.

Mas o projeto segue. O dono de um estacionamento no Centro de Varginha cedeu espaço para o trio. Lá, os grafiteiros devem trabalhar com crianças e jovens e ensinar a arte do grafite.

Fonte: G1

Comentários:

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
 

Notícias Similares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
Email
Print