Sign in / Join

Dexter participa da campanha pelo fim da revista vexatória nas prisões

“Eu fui convidado pelo Conectas para participar da campanha pelo fim da revista vexatória, lançada hoje pela Rede Justiça Criminal. Para aqueles que não sabem, toda semana milhares de mulheres, filhas e irmãs de detentos são submetidas a procedimentos humilhantes de revista íntima nas penitenciarias de todo Brasil. Isso significa um enorme desrespeito aos direitos humanos e à dignidade dessas mulheres inocentes, que durante a revista vexatória são tratadas como culpadas. Eu Apoio Esta causa e convido todos vocês a se juntarem a nós”, afirma Dexter.

Toda semana, milhares de mães, filhas, irmãs e esposas de pessoas presas são obrigadas a se despir completamente, agachar três vezes sobre um espelho, contrair os músculos e abrir com as mãos o ânus e a vagina para que funcionários do Estado possam realizar um dos procedimentos mais humilhantes de que se tem notícia nos presídios brasileiros: a revista vexatória.

A revista vexatória é considerada “mau trato” pela ONU (Organização das Nações Unidas) e, dependendo das circunstâncias, configura tortura. Embora seja expressamente proibida em muitos países e o Estado argentino tenha sido condenado pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA (Organização dos Estados Americanos) em 1996 por esse mesmo motivo, o Brasil continua realizando a revista vexatória.

Para pôr fim a esta brutalidade, a Rede Justiça Criminal lançou uma campanha nacional pela aprovação do Projeto de Lei do Senado 480/2013. Depois de ouvir dramatizações que reproduzem o ambiente destas revistas e ver vídeos gravados por personalidades em apoio ao PL, é possível encaminhar uma mensagem padrão ao presidente do Congresso, Renan Calheiros, pedindo que o projeto seja enviado urgentemente para votação.

Assine a petição em www.fimdarevistavexatoria.org.br.

4 comments

  1. Ray Lenon 26 abril, 2014 at 21:40 Responder

    Galera, estou fazendo a minha parte, divulgando geral nas minhas páginas oficiais do Twitter e Facebook, porém somente eu não conseguirei divulgar tão bem, bora todos entrar nessa, que não tenhamos disposição apenas p/ compartilhar hits dos nossos ídolos, mas também causas nobres e justas! #FimDaRevistaVexatória

Leave a reply