Twitter Facebook Youtube
Home » Noticias » GOG pede o fim da violência contra a juventude negra, durante cerimonia com a Dilma

GOG pede o fim da violência contra a juventude negra, durante cerimonia com a Dilma

Na última segunda-feira (05) o “Estatuto da Juventude” foi sancionado  pela presidenta Dilma Rousseff e durante a cerimonia o rapper GOG  leu uma carta elaborada por artistas negros em que destacou a necessidade urgente do enfrentamento à violência contra a juventude negra.

 “Pedimos a desmilitarização da polícia e o fim dos autos de resistência. No lugar de investimento em armamento e presídios, escolas e cultura. Ainda vivemos em uma ditadura, com mortes, desaparecimentos. Não queremos viver perdendo amigos, parentes, vizinhos, para polícias, milícias e traficantes”, disse.

GOG lembrou o caso do pedreiro Amarildo de Souza, desaparecido dia 14 de julho após ser levado, por policiais militares, à sede da Unidade de Polícia Pacificadora da favela da Rocinha, no Rio de Janeiro. “Estamos felizes com a sanção do estatuto, mas queremos mais. Queremos políticas públicas pensadas para a juventude negra e pobre deste país.”

Leia a matéria completa do Brasil de Fato aqui.

3915_10200635868893013_384266401_n

Fonte: Brasil de Fato

Foto: Reprodução/Facebook

Comentários:

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
 

Notícias Similares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
Email
Print