Twitter Facebook Youtube
Home » LM » [LM] Dias fora de casa: 1 Mayara R.

[LM] Dias fora de casa: 1 Mayara R.

Dias fora de casa: 1.
Como é se sentir jogada fora? Cuspida, vomitada???? Pior dor não existe.
O cheiro da sua casa faz falta. Suas coisas todas jogadas amassadas no seu antigo quarto;
Pessoas estranhas…
Passar a noite em claro pensando “o que fazer agora?”
Tudo começa quando a gente tem seu próprio estilo de vida, sua maneira de viver.
Para se ter respeito aos pais, não significa que se deve viver a maneira deles. Não é porque se chega tarde em casa… ou de manhãzinha que você não tem respeito. RESPEITO é outra coisa.
Quando acostuma-se com sua casa, seu canto, sem dever satisfação à ninguém donde vai ou donde vem você não consegue mais viver uma vida de adolescente, de criança explicando ou pedindo 25 centavos pra comprar doce no bar.
Mas desempregada, com 24 anos, parece que se torna uma pré aborrecente.
O problema da magoa é o não dito. É o não explicado. O que torna a convivência difícil é a falta de dialogo.
Você começa a se sentir um ET dentro da sua própria casa. Então, você já não a reconhece mais.
E a indiferença? Dói, machuca, rasga por dentro, te trás sentimentos perigosos no coração, como raiva e  ódio.
Você não se enxerga mais. Se perde no meio de tantas idas e vindas com a sua mala de rodinha. Você fica jogada, amassada, perdida como aquela calcinha velha que você gostava de colocar sozinha em casa. Não acha mais.
O carinho, atenção fica pros cachorro lá da rua que nem cadela no cil. E quem é quem pra dizer que agindo assim você está errada???
Cada um sabe a dor e alegria que carrega na mochila.
Contudo, uma hora as coisas vão assentar, a poeira vai abaixar… o destino a gente vai encontrar, as coisas vamos entender.
A vida não é como queríamos ou como idealizamos. Sonhos todos temos o difícil é coloca-los em orbita certa. Os meus não entraram em orbita de ninguém. E assim vou continuar a caminhada com a mochila dos sonhos e a bagagem da esperança  até chegar no meu verdadeiro destino e de fato meu lugar.
Dias fora de casa: 1.
Sensação: 7 anos.
Sentimento: tristeza, saudade.

Comentários:

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
 

Notícias Similares

OUTROS COMENTÁRIOS (3)

  1. Preto Cria disse:

    Parabéns por fazer da sua verdade nosso momento de reflexão sobre quem somos, o que somos, que buscamos e que podemos ser.

    ATENCIOSAMENTE
    PRETO CRIA HIP HOP CÓD. 016, ESCRITOR, ESTUDANTE, PALESTRANTE DA
    CULTURA HIP HOP E UM DOS COLABORADORES DO PORTAL RAPNACIONAL.COM.BR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
Email
Print