Twitter Facebook Youtube
Home » Noticias » Projeto Revivarte usa o graffiti para revitalizar edifícios residenciais próximos à Marginal Tietê

Projeto Revivarte usa o graffiti para revitalizar edifícios residenciais próximos à Marginal Tietê

Em Julho e Agosto deste ano, quatro artistas realizarão a pintura de 10 empenas cegas além de diversas oficinas para os moradores.

A partir do dia 20 de Julho, as paredes do Conjunto Residencial Parque do Gato, localizado no bairro do Bom Retiro, próximo à Marginal Tietê em São Paulo, passarão por uma grande mudança: os grafiteiros Subtu, Fel, Mundano e RMI levarão à comunidade o Revivarte “Parque do Gato”, projeto que pretende colorir 10 empenas cegas – nome dado às paredes do edifício que não contêm janelas – transformando o local em uma grande galeria de painéis.

“Queremos enfatizar a importância da arte na cidade e na vida das pessoas, deixar isso marcado, semear o interesse pela arte e contribuir com o desenvolvimento cultural dos jovens”, revela Subtu, artista e idealizador do projeto.

O planejamento das atividades prevê a participação da comunidade no projeto, pois as pinturas terão como base os relatos dos moradores e pretendem refletir o cotidiano e a realidade na comunidade. Além disso, serão realizadas diversas oficinas de arte para os jovens moradores.

Para Mundano, artista que integra o projeto, “Nossa arte está diretamente ligada ao social, ao povo. Queremos debater com eles, mostrar a realidade deles. Sem os moradores esse projeto não teria sentido”.

O andamento do projeto poderá ser acompanhado por meio de fotos e vídeos, que serão publicados no blog do projeto e também no facebook (veja os links abaixo). O projeto de revitalização do Parque do Gato contará com o suporte do videomaker Mateus Ávila e da produtora cultural Caren Gomes, que destaca o interesse do grupo em levar o projeto para outras comunidades já no ano que vem “A pintura de empenas na cidade tem crescido, mas uma parte delas está nas áreas nobres de São Paulo. Queremos levar esse tipo de ação para comunidades desfavorecidas culturalmente”.

O projeto Revivarte “Parque do Gato” foi selecionado no Programa para a Valorização de Iniciativas Culturais – VAI 2013, da Prefeitura de São Paulo, e tem diversos apoiadores como a empresa Parede Viva, a loja King Cap SP, a marca de spray SIGMA 80 e a BRASIF, locadora de plataformas aéreas.

Sobre os artistas:
Os artistas participantes sempre estiveram ligados às causas sociais e abordam isso em seus trabalhos, tendo ministrado oficinas para crianças e adolescentes de comunidades pobres e em locais como o SESC Santo André, entre outros.

Subtu promoveu no ano passado, em um prédio ocupado da região central de São Paulo, o “Dia das Crianças Solidário”. Foram distribuídos presentes para crianças e adolescentes, além da pintura do local por diversos grafiteiros.

Mundano é o idealizador do “Pimp My Carroça”, que teve como principal objetivo valorizar os catadores de material reciclável dando vida nova à suas carroças, com reparos na estrutura, pneus novos e arte dos grafiteiros. O financiamento foi captado de maneira colaborativa pelo site Catarse.

Fel teve duas obras suas selecionadas para a exposição DES-VARIOS, sobre a ocupação dos espaços e se destaca no graffiti em grandes escalas na capital.

RMI é membro do coletivo “Goma Oficina”, tendo realizado intervenções urbanas em locais como o CCBB e o prédio da FIESP na Av. Paulista.

Confira o teaser dessa ação:

E-mail | projetorevivarte@gmail.com
Blog | www.projetorevivarte.wordpress.com
Facebook | www.facebook.com/projetorevivarte

Comentários:

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
 

Notícias Similares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
Email
Print