Twitter Facebook Youtube
Home » LM » Sabe Como É Que É, Néh (Parte I) – Janson Alves

Sabe Como É Que É, Néh (Parte I) – Janson Alves

                                                                          SABE COMO É QUE É, NÉ (Parte I)

                                                                          Sabe como é que é, né, mais uísque,jandson

menos som, prefere ostentação,

do que informação.

 

Discrimina o nosso movimento,

chama nós de bandidos, marginais,

aí rapaz, faço literatura marginal,

poesia e tal, versos pros seus ouvidos,

eu risco rimas, faísco pensamentos,

pra te dizer que é bom obter livros 

pra compreender antes de morrer, 

é bom aprender todos os ensinamentos.

 

Quantas vezes eu ouvir, oh menino tira

isso daí, coisa de malandro, de bandido,

seria natural e normal eu na zona do perigo,

sem aviso, a bomba estourando os ouvidos,

mais não, estou escrevendo, mil dessas pode

nascer, pois os pensamentos tem todos os dias,

nasce, cresce e permanece, esquece se eu falei

besteira, mais eu sou assim, cito, digo, eu conheço

quem são os meus verdadeiros amigos.

 

Sabe como é que é, né, uns pra ajudar, 

outros pra atrasar, uns pra ajudar há sorrir

e porque não seguir, outros nem tão aí,

por isso sou na minha, converso com quem

quer atenção, então, deixa essa poesia entrar,

e se pá vem falar, pra nós dialogar, espero 

de coração a paz e não a guerra, luto e espero

a esfera do amor daquela que esta ao meu lado

por amor, sempre irei falar, tá bom, sabe como é.

 

Autoria: Jandson Alves

Jandsonbrasil@hotmail.com

https://www.facebook.com/jandson.alves.14

 

Comentários:

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
 

Notícias Similares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
Email
Print