Polícia Militar embarga show de Filipe Ret alegando “perigo para a sociedade”

Evento programado para acontecer em Santa Catarina é cancelado na noite da última sexta-feira (06/06)

A Polícia Militar de Balneário Rincão, em Santa Catarina, embargou o evento em que o rapper carioca Filipe Ret se apresentaria na noite dessa sexta-feira (06/06) alegando que suas músicas fazem “apologia às drogas e ao crime” e que se o MC mantivesse seu show, apresentaria “perigo para a sociedade”.

Após pedirem um ofício das polícias Civil e Militar ao contratante do evento, que foi devidamente providenciado, os policiais que fizeram a ação alegaram que uma tenda não estaria de acordo com o alvará de liberação dos Bombeiros para a casa noturna. O contratante se ofereceu para retirar a então tenda do local e o argumento seguinte da Polícia foi que o evento não poderia acontecer por conta das canções do rapper.

Cerca de 800 pessoas que já tinham comprado seus ingressos antecipadamente não puderam assistir a apresentação do MC, e a indignação pela declaração pública de que suas músicas apresentam “perigo para a sociedade” fez com que toda a equipe lamentasse profundamente o ocorrido.

7 comments

  1. Dom Pedro Raps 9 junho, 2014 at 03:34

    PAIS DO CARANVAL NOVELAS QUE PARECE UM PUTEIRO E OS CARA PROIBINDO SHOW DE RAP ISSO ISSO E LINDO TANTA COISA PRa se proibir isso e eo que abuso de poder mesmo …….

Leave a reply