Sign in / Join

Safando-se da “Ansiedade” nas Batidas Do Rap.

Texto: Deise Honorato

De origem nordestina, Cícero Augusto Gomes, chegou ao extremo Sul da cidade de São Paulo criança, no entanto, já com a música rolando em suas veias e o rap pulsando em seu coração.
Desde então, vem galgando degraus na cidade de pedra, por um espaço para soltar suas rimas, ressoar as batidas e reverberar tuas mensagens.
Trazendo um rap tradicional de maneira única, regado pelo calor da esperança de que é sempre possível se reinventar e seguir em frente.

Cícero, mais conhecido por Cicerone MC.
Músico, compositor, amante de boa música e com influências musicais variadas que vão de: Notorious B.I.G, Luiz Gonzaga, Krs One, Cutty Ranck, Jorge Ben, Chico Science, Diana, Tim Maia, Nação Zumbi, RZO, Black Alien, Planet Hemp, Sabotage, Facção Central, Racionais Mc’s, Otto entre outros.
Esses e outros tantos são as fontes de inspiração para as diversas temáticas que traz de maneira brilhante em suas letras, abordando a realidade da vida periférica, a necessidade da luta diária, as questões sociais e culturais da comunidade.
Tudo firmado na coragem de seguir adiante nessa jornada, sempre consciente do papel e da força que o rap tem para mudar situações e vidas. Assim como a sua.
O artista acredita no RAP como sendo uma oportunidade que tem para fazer essa ideia reverberar para além da tua cabeça. Que a mensagem de força e esperança possa se espalhar por meio da música que faz.
Seu primeiro trabalho; “Assim que faço, Assim que gosto, Assim que é”,  foi lançado em 2014 em Recife, na jornada de MC que aconteceu no pátio São Pedro.
Ainda em 2014 fui convidado a participar do programa Manos e Minas.
Em 2018 lancei o “Sem Fastio”,  no Espaço Mocambo,  Jardim Nakamura em São Paulo.
Foi finalista do evento “Sons da Rua” no ano 2019.
E agora em 2021 está trabalhando nesse novo single, cheio de expectativas e vontade que dê certo.
A letra dessa música surgiu para CiceroneMC no começo da pandemia, momento em que se sentia sem saída, sem trabalho, sem alegria, sem disposição.

Cicerone nos diz que ouvia muitas coisas ruins vindas de pessoas mais ruins ainda, e por isso decidiu que rabiscar alguns versos poderia ajudar a tirar essa angústia, essa ansiedade de seu peito.
A música foi se desenvolvendo numa espécie de desabafo para ele mesmo, seus versos e rimas foram surgindo em sua mente dia a dia e assim foi lapidando o som por três dias seguidos.
…”Ansiedade”, nome da minha música, veio para me provar que tudo é possível. O sonho não morre, ser artista e fazer arte é  diferente de ter fama e dinheiro. E minha verdade enraizada é viver dessa arte. Essa música me serviu como cura para ansiedade, e me deu a oportunidade de jogar ela para o mundo com o propósito de ajudar pessoas que sofreram ou sofrem como eu. Como diz meu refrão: “Ocupe sua mente sem tempo pra ansiedade e vai… que tá tudo aí pra gente”…
Está saindo do forno esse som que tem uma pegada diferente, uma batida única e uma letra que aproxima e convida à todos para viajar nas batidas de um bom Rap.
Com a produção original, mixagem e masterização de @comboiorecords, nome de peso quando se fala em rap nacional, a música de nome “ANSIEDADE”, chega para tomar conta das redes.
Fica aqui nosso convite, bora lá fortalecer a caminhada do Rap dando espaço para a cultura independente e os novos artistas.

CONFIRA:
https://onerpm.link/519070820994

PÁGINA NO FACEBOOK:
https://www.facebook.com/CiceroneMc/

TagsCicero